My name is Patthy... Bondgirlpatthy

Bem - vindos ao meu cantinho virtual . A "casa" está sempre aberta à todos que queiram vir aqui ler e comentar meus posts. Este blog não tem compromisso jornalístico portanto não tem compromisso com a imparcialidade. Mas o meu compromisso com a democracia continua. Aqui toda opinião é importante e respeitada. Fiquem à vontade, a "casa" é de vocês. Voltem sempre q quiserem . Um beijo com muito carinho e obrigada.


quarta-feira, 15 de fevereiro de 2012

América Celebra Chespirito (e eu também)



Hoje foi um dia diferente, dia de homenagrar uma pessoa que mesmo sem fazer parte da minha família ou da minha roda de amigos faz parte da minha vida (ainda que ele não saiba disso).
Por todos os países latino americanos onde há um televisor ligado no seriado "El Chavo del Ocho" ou simplesmente "Chaves" está sendo realizada uma grande homenagem para celebrar o aniversário de Roberto Gomez Bolaños (dia 21 de fevereiro) e os 40 anos de carreira e criação do Chaves. As homenagens são feittas através de um flash mob com a música "Que Bonita a Sua Roupa" dançada por fãs caracterizados como Chiquinha, Chaves e Quico.
Diferentemente de outras pessoas, fui "na raça" e com o coração cheio de amor e de tudo que eu queria dizer ao Roberto Bolaños e nunca pude. Entrei de corpo, alma e coração e consegui participar da homenagem.
Logo cedo, cheguei para o evento, vestida com uma versão feminina de Seu Madruga que bolei com roupas que tinha em casa mas depois troquei de roupa e coloquei um figurino de Chaves que o SBT distribuiu. Fiquei com pena de devolver a roupa que era tão bonitinha e confortável mas tenho as fotos como recordação.
Meu coração a mil, batendo forte, um pouco nervosa e com medo de errar a coreografia que ensaiei exasustivamente em casa mesmo. Valia tudo para dizer ao Chaves o quanto eu o amo e o quanto ele é importante para mim, até mesmo faltar à minha aula de natação e dançar sendo orientada por uma coreógrafa profissional, Luciana Maradei que coreografa as bailarinas do Programa Silvio Santos.

Versão feminina do Seu Madruga que eu mesma criei em casa

Figurino de Chaves fornecido pelo SBT


Antes da gravação prá valer, muitos ensaios para deixar tudo afinadinho e lindo, ensaios exaustivos passo a passo. Marcação de movimentos e espaços e toda paciência, carinho e profissionalismo do pessoal do SBT para ajudar nas horas mais críticas já que ali não tinham bailarinos profissionais. Destaco também a atenção carinhosa e especial que recebi da produtora Camila que a todo instante vinha conversar comigo para saber se eu estava bem visto que nunca dancei assim e por ser deficiente e ter limitações que poderiam comprometer a coreografia. E também fui elogiada por todos pelo meu esforço. Desde as camareiras até os diretores de cena passando pelas bailarinas profissionais do SBT que estavam lá para nos guiar durante a coreografia. Prova de que não houve qualquer distinção, bastava estar lá e gostar de Chaves.
E entre um ensaio e outro, fui entrevistada por um repórter do UOL.

Entrevista UOL




Início da coreografia


Após gravarmos várias vezes, fomos ao Monumento ás Bandeiras, um cartão postal muito famoso de São Paulo e em meio a buzinaço e aceno dos carros que ali passavam, dançamos novamente e encerramos um lindo clipe que com certeza será um dos preferidos do homenageado que tantas vezes nos faz rir. Todo esforço que fiz foi para você Chespirito. Estou cansada, mais feliz já que não posso te abraçar com carinho e dizer o quanto gosto de você. Feliz Aniversário e uma feliz carreira de muito, muito, muito sucesso. Besos con cariño.


Em frente ao Monumento às Bandeiras










4 comentários:

  1. Confesso que não sou muito fã do "El Chavo" (como é conhecido no Uruguay), mas na época que trabalhei e morei em Montevideo, há 10 anos, assistia muito. E como me divertia. Acho bacana prestarem uma homenagem ao personagem em uma versão tupiniquim.

    E cá estou para demonstrar meu afeto a ele e ao seriado.

    Beijocas, querida!!!

    Dani.

    ResponderExcluir
  2. Amigo, se vc não é tão fã de Chaves como eu e ao menos deu umas boas risadas c/ ele num período de sua vida, Bolaños de certa forma atingiu seu objetivo q foi criar algo q por meia hora nos faz esquecer um pouco da dura realidade. Áposto q vc riu aos montes e por vezes se sentiu mais leve. Confesso q dançar não é um dos meus talentos e q tenho certa dificuldade por meus limites e fiz todo esse esforço por amor. A coreografia não é fácil mas eu não podia deixar de prestar essa homenagem a um cara q por mtas vezes me fazia esquecer as chateações e o bullyng mtas vezes sofrido na escola. E lá como disse no texto, fui tratada como os demais. Esses vídeos farão parte de uma gde comemoração em âmbito mundial e ele vai assistir tudo dia 11 de março. Espero q ele goste do q eu fiz pois cada passo foi feito c/meu coração. E em nome dele te agradeço seu comentário q é tb uma homenagem. Isso isso isso e um sanduíche de presunto no capricho rssss.

    ResponderExcluir
  3. Oiiiii Pathy
    Você tava bonita de Seu Madruga e de Chaves. Parabéns por participar dessas comemorações que são muito alegres.

    Fique com Deus.

    Um grande beijo.

    O amigo,

    gg

    ResponderExcluir
  4. Oi Gege, qto tempo não recebo sua visita.Eu não poderia deixar de participar disso. Chespirito merece. Obrigada por seu carinho. Fica c/ Deus vc tb. Bjo

    ResponderExcluir

Deixem sua opinião aqui. Ela será lida e respeitada