My name is Patthy... Bondgirlpatthy

Bem - vindos ao meu cantinho virtual . A "casa" está sempre aberta à todos que queiram vir aqui ler e comentar meus posts. Este blog não tem compromisso jornalístico portanto não tem compromisso com a imparcialidade. Mas o meu compromisso com a democracia continua. Aqui toda opinião é importante e respeitada. Fiquem à vontade, a "casa" é de vocês. Voltem sempre q quiserem . Um beijo com muito carinho e obrigada.


domingo, 1 de setembro de 2013

Corinthians um amor cheio de emoções



Quando penso no Corinthians o meu coração dá um salto e dispara de tanto amor e alegria só por saber que ele existe e está aí há 103 anos sendo amado por uns mais afortunados e ignorado por outros nem tão afortunados assim e, ao menos que queiram se dar uma segunda chance, jamais saberão o que significa realmente um amor cheio de emoções .
Desde os meus cinco anos que sei o que é isso. Nunca experimentei um sentimento como esse por outro que não fosse o Timão. E nem quero experimentar pois o amor com emoções é o que me basta para ser feliz para sempre como a mocinha no final de um romance açucarado de banca de jornal.
Confesso que nunca fui aos jogos no estádio, temo a violência mas mesmo não indo é como estar presente pois meu coração sempre está com eles, vibrando e sofrendo, querendo ajudar. Mas vontade de assistir a um jogo não me falta e um dia se Deus permitir vou ver um jogo na nova Arena e vibrar em paz com uma vitória do time.
O Parque são Jorge é minha segunda casa. Cada dia que vou lá é como se fosse o primeiro dia.
Uma emoção sempre. Uma grande honra carregar o escudo do clube que amo no maiô a cada aula. Lá é a casa onde mora meu coração, um lugar que me traz alegrias e me faz bem. Onde pratico esporte e me divirto também encontrando e convivendo com pessoas legais.
Fica impossível descrever todas as emoções que vivo sendo Corinthiana pois esse texto nunca terminaria por isso vou destacar apenas as mais recentes.
A final da Libertadores foi tão emocionante que nem consegui ver, estava muito nervosa, tremi muito e por isso resolvi apenas ouvir. Estava mesmo com medo de morrer. Quando saiu o título eu vibrei, chorei de emoção e no dia seguinte quando acordei achei que era um sonho mas que bom que esse sonho se tornou muito real! Já a final do Mundial, lá no fundo da alma eu sempre tive a certeza absoluta de que seria nossa e foi mais tranquilo. Mesmo assim apenas ouvi por precaução enquanto tomava meu café da manhã. E a Recopa que veio depois eu "nem senti". Vibrei, mas como vibraria como em um jogo normal.
Já dizia a canção: "Ser corinthiano é ir além de ser ou não ser o primeiro". É algo que só quem é entende e um sentimento muito especial, diferente de tudo. Só sei que é gostoso sentir isso. Quando chegar o dia em que partirei eu quero que uma bandeira do Corinthians cubra meu corpo e me acompanhe em meu repouso eterno.
Obrigada Corinthians por existir, por me fazer sorrir e chorar. Por eu ser feliz. Te amo e sempre te amarei na alegria e na tristeza por todos os dias da minha vida. Feliz Aniversário meu eterno amor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixem sua opinião aqui. Ela será lida e respeitada